Orlando, FL - 13 de dezembro de 2017

Encante-se com as belíssimas praias de St. Pete e Clearwater, no Golfo do México

Com um mar azul caribenho e areia branquinha, as cidades St. Petersburg e Clearwater, localizadas próxima a Tampa Bay, são destinos pouquíssimos explorados pelos turistas brasileiros por pura falta de informação…. então vem com a gente que te contamos tudo sobre esses dois paraísos!

Publicado por: Victoria Rapanelli / Colaboração: Visit St Pete Clearwater em 04 novembro 2014

A ensolarada St. Pete e Clearwater, localizadas no Golfo do México, são destinos ideais para quem procura praias incríveis para curtir com toda tranquilidade com a criançada.

Na costa oeste da Flórida, as cidades de St. Petersburg e Clearwater são um caldeirão repleto de variedade hoteleira e de atrações que são responsáveis por atrair 14 milhões de turistas de todo o mundo, interessados nas obras de Salvador Dali, em conhecer o lar do golfinho Winter, em participar de seus inúmeros eventos mundialmente conhecidos, na prática de atividades físicas, ou apenas, se deliciar no guarda-sol e aproveitar a vista cinematográfica de suas águas azuis cristalinas e de areias finas e brancas.

Considerada uma das dez mais belas regiões do solo norte-americano, a cidade carinhosamente apelidada de St. Pete e a vizinha Clearwater tem tímidos limites territoriais, no entanto, contrariando as expectativas acumula uma mescla de entretenimento competitiva com os grandes destinos da cena turística.

 

12 motivos para visitar St. Pete e Clearwater 

 

 1 – Destino ainda inexplorado pelos brasileiros

Com mais de 14 milhões de turistas anualmente, St. Pete e Clearwater é o destino turístico número 1 no Golfo do México, nos Estados Unidos. Apesar de receber muitos turistas da Europa, Ásia, Oceania e também dos EUA, St. Pete e Clearwater são destinos pouco explorados pelos brasileiros.

 

2 – Maior coleção de Salvador Dali fora da Espanha

Quem se habilita a desbravar as ruas de St. Pete tem que estrear o roteiro pelo Dali Museum, que apenas por conta da arquitetura assinada por Yann Weymouth, já representaria uma atração à parte, principalmente, se considerarmos o design que faz um retângulo com paredes e que contém uma bolha feita em vidro geodésico.

 

O local se diferencia ainda por sua face interna onde se destaca em forma helicoidal que celebra a adoração de Salvador Dali por espirais. No acervo do museu, os turistas se perdem – ou se encontram – em meio a obras do expressivo artista espanhol, entre elas 96 pinturas a óleo, desenhos originais, gravuras, esculturas, fotografias, manuscritos e alguns documentos pessoais.

 

3 – Grandes obras de Cézanne, Gauguin, Monet e Renoir em único espaço

Outro expoente artísitico é o Museum of Fine Arts, endereço que abriga um tesouro de valor imensurável, ao reunir 18 mil itens assinados por autores de renome, como Morisot, Cézanne, Rodin, Hassam, Bellows, Monet, Gauguin e Renoir. As obras destes grandes artistas representam diferentes linhas artísticas provenientes da Grécia e de Roma, bem como da Ásia, da África e das sociedades pré-colombianas.

 

4 – Lar de “Winter” o golfinho, estrela da Warner Bros no filme Dolphin Tale

O Clearwater Marine Aquarium é o lar de “Winter” o golfinho, conhecido em todo o mundo por ter estrelado uma produção cinematográfica que enfatiza sua saga após sofrer um acidente e perder sua calda. Aliás, parte das atividades no interior do aquário gira em torno dos golfinhos, já que os turistas que chegam aqui têm a opção de tocá-los nas piscinas ou mesmo se tornar um treinador por um dia, com a responsabilidade de cuidar da alimentação dos mamíferos.

No entanto, no Marine Aquarium, além do popular golfinho, há espaço para outras espécies como tubarões, que podem receber visitas em seus tanques, tartarugas, arraias, peixes e lontras. Se preferir, do próprio aquário partem passeios de barcos ideais para reconhecer a vida marinha do entorno.

 

5 – Experiências incríveis dentro e fora da água

Se para o turista tem tudo a ver com praia e guarda-sol, um bom motivo para vestir a roupa de banho é o Caladesi Island State Park, que concentra uma infinidade de experiências dentro e fora da água. De fato a orla é impecável, com aquele azul cinematográfico, e manter-se distante dela é praticamente impossível, o que viabiliza um delicioso banho de mar ou um simples passeio de caiaque. Como toque final para um cenário bucólico, enquanto o turista se diverte, é possível apreciar os pescadores jogando suas redes. O parque é ideal para quem chega de barco, já que há uma marina com docas flutuantes, na qual é possível atracar pagando US$ 24 por noite, e próximo a ela estão bares e lojas de presentes. Ainda no Caladesi Island State Park, novos e velhos amigos se juntam para piqueniques, ou se dividem por entre suas trilhas demarcadas.

 

6 – Melhor preço

Segundo informações do Visit St. Pete Clearwater um pacote de viagem para essa região é bem mais barato do que um para Miami Beach. Portanto, vale a pena explorar um destino novo sabendo que o custo será mais baixo!

 

7 – Eles recomendam

St. Pete e Clearwater conta com 56 km de belíssimas praias de areias brancas, incluindo Clearwater Beach, chamada de “A Melhor Cidade Balneária da Flórida”, pela USA TODAY e St. Pete Beach, considerada n° 1 nos EUA pelo TripAdvisor.

 

8 – Hotelaria tradicional e de luxo

O Loews Don CeSar, em St. Pete Beach, e o Renaissance Vinoy, no centro de St. Pete, são dois dos hotéis resort mais antigos e prestigiados da área de St. Pete.

 

9 – Esporte nas veias

Se a praia é convidativa em virtude das águas claras e daquele banho de mar, no verão, ela se torna um caldeirão de emoções quando algumas estrelas do vôlei desembarcam aqui para disputarem o AVP St Petersburg Open. Este ano, a etapa realizada entre os dias 29 de maio e 1 de junho sagrou as duplas, Brad Keenan e John Mayer, e April Ross e Kerri Walsh Jennings como campeãs. Para quem não conhece a veia esportiva de St. Pete vale saber que, ao longo do ano, a cidade recebe mais de mil eventos, que incluem algumas modalidades esportivas, caso do vôlei já citado, e do golfe através dos torneios de Professional Golf Association Tour que leva às apresentações disputadas de nomes como Tiger Woods, Jimmy Walker e Bubba Watson, num circuito que conta com mais de 250 competidores. Também fazem parte do calendário esportivo a Women’s Running Half Marathon, o St. Peterburg Bowl e o WPA Championship Race.

Ao acessar o site da Sports Comission (porém o conteúdo está todo em inglês), uma espécie de associação que relaciona tudo sobre o universo esportivo em St. Pete, o turista se conecta com uma agenda invejável. No box Mapa do Esporte, é possível traçar as datas dos principais eventos que têm o esporte como carro-chefe, e desenha um roteiro pra lá de saudável e repleto de adrenalina.

 

10 – Pesca de esponja

Tarpon Springs, na costa mais ao norte da área é uma secular vila de pescadores gregos onde a pesca de esponja é a principal atividade econômica. Vale a pena a visita e conhecer um pouco mais sobre essa atividade local.

 

11 – Sol, sol e mais sol…

A área de St. Pete e Clearwater é o berço da Wikipedia, da aviação comercial, do treinamento de primavera do beisebol americano e, além disso, detém o Recorde Mundial do Guinness com mais dias de sol consecutivos (768).

 

12 – Muitas, mas muitas atrações durante todo o ano

Com sol o ano inteiro e um clima semitropical, St. Pete e Clearwater realizam centenas de eventos durante todo o ano, incluindo o Firestone Grand Prix de St. Pete, o Festival de Jazz de Clearwater e a corrida de Lanchas Rápidas em Clearwater.





Curta + Orlando